Sucesso de crítica e bilheteria, musical assistido por mais de 200 mil pessoas já percorreu 40 cidades e fez 349 apresentações.

  • Renato Russo – O Musical
  • Renato Russo – O Musical
  • Renato Russo – O Musical

Renato Russo – O musical volta a Brasília no dia 26 de novembro para única apresentação no auditório máster do centro de convenções Ulysses Guimarães.

O tempo passou e Renato continua atual, moderno, contemporâneo e arrebatando novas plateias e novos públicos. “Renato é um grande poeta, e é por isso que continua causando comoção nas gerações de hoje. Sua obra gera um impacto enorme”, conta Bruce Gomlevsky, protagonista do musical solo de Daniela Pereira de Carvalho. Há 10 anos estreava a peça que consagrou Mauro Mendonça Filho, com o Prêmio Shell 2006 de melhor direção. “Cenário, figurinos, vídeos e etc foram feitos exclusivamente para a remontagem. Conseguimos reunir a equipe original da peça: dos músicos a camareira, enfim todos os técnicos e artistas. Sem patrocínio, eu e Bruce fizemos empréstimo bancário para viabilizar o espetáculo”, revela a produtora Bianca de Felippes, que está em fase de produção do longa metragem Eduardo e Mônica, com previsão de lançamento em 2017.

A banda Arte Profana, formada por teclado, guitarra, baixo e bateria ilustra com 22 canções a peça que conta a história do músico desde a juventude “punk” em Brasília, quando fundou a primeira banda, aborto Elétrico e ficou por dois anos em uma cadeira de rodas até o sucesso da Legião Urbana. O quebra-quebra num show em Brasília e os problemas com drogas estão na encenação.  Depoimentos, reportagens, entrevistas de Renato, parentes, livro e imagens de shows serviram como base para a concepção da obra.

Renato Russo – O musical foi assistido por 200 mil pessoas, percorreu 40 cidades e fez 349 apresentações. A estrutura do espetáculo será a mesma. O teatro possibilita que o ator melhore cada vez mais. É um espetáculo que se mantêm vivo, sem dúvida. Não é à toa que Renato e sua obra continuam tocando pessoas”, detalha Bruce.

 

Ficha Técnica

Texto: Daniela Pereira de Carvalho

Direção: Mauro Mendonça Filho

Direção Musical: Marcelo Alonso Neves

Iluminação: Wagner Pinto

Cenógrafo: Bel Lobo e Bob Neri

Figurino: Jeane Figueiredo

Produção: Bianca De Felippes